Sexta-feira, 23 de Junho de 2017
WEBANGELHO SEGUNDO ANSELMO BORGES

Instantâneo 1 (25-11-2016 03-15).png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com as desculpas pelo atraso - estamos em falta com o Webangelho anterior, mas....dada a CONTINUADA CLARIVIDENCIA DESTAS PALAVRAS, aqui está: A IGREJA SOMOS NÓS!

PE ANSELMO BORGES

IN DN 23JUN

FRANCISCO NÃO TEM RAZÃO? (2)

1.Não é exactamente o mesmo o mundo visto do lado dos vencedores e o mundo visto do lado dos vencidos. Afinal, a história que conhecemos e lemos é em princípio a história dos vencedores, até porque são os vencedores, sabem escrever e puseram por escrito os seus feitos e glórias; os vencidos são os vencidos, desapareceram e, mesmo que quisessem narrar o seu lado da história, não sabiam ou não podiam escrever. Não é exactamente o mesmo o mundo visto a partir do centro do poder e o mundo que se vê a partir das periferias. Não é exactamente o mesmo o mundo visto lá do alto da janela mais famosa do mundo, que é a janela do Palácio Apostólico no Vaticano donde os Papas dão a bênção urbi et orbi, e o mundo que se vê a partir de um apartamento modesto da Casa de Santa Marta. Não é exactamente o mesmo o mundo que se vê a partir do Deus omnipotente, significando omnipotência Poder enquanto dominação e não Força infinita de criar, e o mundo que se vê quando se vê a partir do Deus cujo nome é Amor, Misericórdia.
Não tem razão o Papa Francisco quando, sem excluir ninguém, vê o mundo a partir do Deus-Misericórdia, a partir de Santa Marta, a partir das periferias, a partir dos vencidos, que são isso mesmo, os vencidos, os colonizados, os derrotados, os pobres, os excluídos, os explorados, as mulheres, as crianças, os doentes? Para ser completa e toda, é preciso que a história também seja lida e escrita a partir do seu reverso, isto é, do lado dos vencidos. Porque todos têm de ascender ao palco da história, com a sua igual dignidade de homens e mulheres livres, todos filhos de Deus.
Não tem razão Francisco quando, na exortação "A alegria do amor", partindo dos dois Sínodos sobre a família e no quadro da atenção à voz da consciência e de um discernimento sério, abre a porta à comunhão dos recasados? Aliás, já em 1972, o antecessor Bento XVI, ainda professor, tinha escrito um ensaio académico manifestando abertura à admissão à eucaristia dos divorciados recasados, no caso de a nova união ser sólida, haver obrigações morais para com os filhos, não subsistindo obrigações do mesmo tipo em relação ao primeiro casamento, "quando, portanto, por razões de natureza moral é inadmissível renunciar ao segundo casamento". É evidente que não vale tudo. Mas os católicos também não podem continuar a ser infantilizados nas suas decisões morais, no quadro de uma obediência cega à autoridade que por todos decide. Sobre a dignidade da consciência moral, Joseph Ratzinger também escreveu: "Desde Newman e Kierkegaard, a consciência está no centro da antropologia cristã com renovada insistência. Nos escritos de Newman, a consciência representa a interna complementaridade e limite do princípio Igreja: por cima do Papa, como expressão da pretensão vinculativa da autoridade eclesiástica, está a consciência própria de cada um, que deve ser obedecida antes de qualquer outra coisa, inclusivamente, se for necessário, contra a exigência da autoridade eclesiástica." É o cardeal Blase Cupich, arcebispo de Chicago, que tem razão quando, recentemente, referiu a "Amoris laetitia" como convite a passar de "uma espiritualidade adolescente a uma espiritualidade adulta", espiritualidade que "responsabiliza o indivíduo, em vez de ser uma autoridade externa a dizer às pessoas o que têm que fazer, como se fossem crianças".
Não tem razão o Papa Francisco ao manifestar, na atenção à pastoral da família e apelando à dignidade, nova compreensão e respeito para com os homossexuais, os casamentos civis, as uniões de facto? Não tem razão Francisco quando, fazendo a síntese de franciscano e jesuíta, prepara, com a simplicidade da pomba e a prudência da serpente, como manda o Evangelho, a Igreja para o século XXI: uma Igreja pobre para os pobres, que combate a favor da justiça e da paz num mundo globalizado, desclericalizada, sinodal, onde leigos e, nomeadamente, as mulheres têm o seu lugar, uma Igreja que não tem medo da razão crítica, sem triunfalismos nem intolerância, respeitadora da consciência, ecuménica, dialogante, audaz, com novos ministérios, ao serviço do Evangelho e das pessoas, que antepõe à doutrina rígida e imobilizada? Há quem objecte que lentamente se conclui que tudo é permitido. Mais uma vez, a grande questão do Papa Francisco e para o Papa Francisco são os mediadores: bispos e padres que esclarecem ou não os fiéis e ajudam ou não na formação da consciência esclarecida e adulta.
Não tem razão o Papa Francisco quando quer a laicidade do Estado, mas condena o laicismo e o secularismo, que "fecham as portas à transcendência" e pretendem retirar a religião do espaço público? Não tem razão quando se levanta cedo, para poder rezar e ouvir o silêncio, "escutar o silêncio e sentir e ouvir o sussurro desse fio de silêncio sonoro no qual Deus nos fala"?

2. O problema fundamental da Igreja é que na sua essência ela é a assembleia de assembleias de homens e mulheres que se entregam confiadamente ao Deus de Jesus, esperando dele salvação e sentido último para a vida e para quem Jesus Cristo é determinante na sua vida e também na morte, mas, de facto, na sua maior parte, os católicos dizem-se não praticantes. Esquece-se a fé e a conversão e põe-se o centro na instituição como organização de poder, de que tantos tanto se servem.
Assim, sendo a instituição um serviço da fé e da prática da vida autenticamente cristã, o que se impõe é a conversão. Esquece-se frequentemente que a Igreja é de voluntários e para voluntários, isto é, só está nela quem quer, embora, por outro lado, quem está tem direito à participação activa na sua vida, porque, como o Papa Francisco tantas vezes repete, a Igreja somos nós todos. Sem esta conversão, pessoal e institucional, para onde caminha a Igreja?



publicado por animo às 12:51
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

PE ANSELMO BORGES NÃO TE...

MINISTRO CAPOULAS SANTOS ...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

CARDIGOS, AS CEREJAS E O ...

trip - ir a mundos onde n...

´WEBANGELHO SEGUNDO ANSEL...

ANDRÉS QUEIRUGA EM PORTUG...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

ANDRÉS TORRES QUEIRUGA EM...

PE ANSELMO BORGES SOMA E ...

SEARAS ESCOLA DE VIDA

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

SIM AO CREDO DOS VALORES

SUBSTITUIMOS O CREDO DOS ...

HOJE, TODOS À GULBENKIAN ...

QUARENTA E TRÊS . FAZER O...

PE ANSELMO AO ATAQUE NA D...

PE ANSELMO BORGES AO ATAQ...

MÁSCARAS, INFERNO E OS BU...

arquivos

Outubro 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

todas as tags

links









































































































































































































subscrever feeds