Sexta-feira, 25 de Março de 2011
PENSOS RÁPIDOS

Quem se mete com a ânimo leva....sempre mais do que aquilo que traz!

antónio colaço



publicado por animo às 19:19
link do post | comentar | favorito

LISBOAS.DE ONTEM PARA HOJE

De hoje, a grande casa "que faz opinião"!!!Ah que saudades do belíssimo edifício da Duque de Palmela....

Laveiras,Porto Salvo.Instalações da Impres/Expresso.Esta manhã.

 

 

DE ONTEM

 

IPO.Tal como a Primavera, ali a seus pés, nos seus cuidados jardins, Renascer é preciso!

Homenagem a todos os que não desistem.

antónio colaço



publicado por animo às 15:33
link do post | comentar | favorito

MATINAS

 

Até a Natureza parece ter desistido de um madrugar bonito, apresentando este horizonte meio esquisito.

E no entanto, tudo à nossa volta estremece de alegria, os pássaros vêm aqui ensaiar os seus primaveris chilreios e nas plantas, das mais invisíveis às mais encorpadas, vencem-se os torpores outonais.

Afinal, o sol ali está, meio triste, duvidando da razão que nos assiste para tamanha tristeza.

Para quando perceber que somos muito mais  que todos estes atmosféricos sinais, que somos, afinal, a Tua verdadeira Beleza?!

Obrigado.

antónio colaço



publicado por animo às 15:22
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 24 de Março de 2011
FÁTIMA CAMPOS FERREIRA.UMA LUTADORA PESSIMISTA QUE RECLAMA POR NOVOS PROTAGONISTAS!

Repete lá outra vez?!

Sim, ouviu bem!

Na na nossa frente, longe do frenesi televisivo das segundas-feiras, Fátima Campos Ferreira, com a perfeita noção da responsabilidade de liderar, oito anos, depois, o maior programa de debate da televisão portuguesa, sabe que o poder de marcar o quotidiano só encontra explicação numa frase:

-"Aquilo que me anima deve-se a arriscar o mais que posso e a ter bem presente que se trata de um exercício de cidadania e em que jogo a minha única riqueza:a minha dignidade!"

Com os olhos postos em S.Bento, onde, cinco horas depois, ficará traçado o quotidiano político de todos nós, Fátima conclui que "hoje não vejo gente da estirpe, entre outros, de um Mário Soares!Ou , se calhar, existem mas têm medo das corporações e não estão para aparecer!Precisamos de figuras que corram riscos em favor da sociedade!Nem todos estão talhados para a liderança mas têm de emergir ou alguém tem que os tirar de um certo anonimato em que vivem!"

Emociona-se quando fala do privilégio que teve em conhecer Melo Antunes e assinar uma das últimas reportagens sobre o seu percurso de vida e a grande coerência que dominou o seu contributo para uma sociedade democrática.

Os pais notaram nesta sua ida recente ao Porto - onde juntou António Costa e Rui Rio - o ar triste de sua filha. Confessará aos comensais do RES PUBLICA que está tudo bem na sua vida."Não me queixo de nada", mas dói ver o estado de alma a que está a chegar este país de Abril."

Percebe-se, agora, que, apesar de tudo, é preciso lutar.

"Percebemos do 25 de Abril, mais a componente dos direitos do que dos deveres!", diz-nos, e percebemos de que pessimismo, então, são feitos os seus dias!

Ou seja, Fátima vai continuar a fazer do palco do Teatro Camões, o "plenário" de S.Bento, onde, com todos os seus defeitos e virtudes - falaremos da necessidade de chamar ao programa novos protagonistas, tal como sugeriram dois dos nossos leitores - o exercício do contraditório só tem como objectivo gerar um país que arrisque cada vez mais pelos caminhos da solidariedade e justiça.

Costa Brás, presente, não escondeu a alegria de ter vindo ao almoço depois de saber quem era a convidada, mais não fosse para afirmar:"O pilar fundamental de um bom funcionamento da sociedade e do próprio sistema democrático, é a Justiça"!

 

Na tarde de ontem - dia em que deveríamos ter como convidado Jerónimo de Sousa, impossibilitado devido à "urgência de S.Bento - talvez calhasse ter no RES PUBLICA  um político de nomeada a lançar sobre S.Bento um derradeiro apelo, sim, mas.... não seria a mesma coisa!

Obrigado, Fátima, por teres arriscado estar connosco e um outro obrigado por não desistires de continuar a juntar à mesa os desentendidos filhos desta Nação.

Convoca, lá, então, os novos protagonistas que, de uma vez por todas - e para que não voltemos a ter nos conturbados dias que se avizinham , "mais do mesmo",- retomem os adiados caminhos do Abril novo que descobriste no saudoso  Ernesto Melo Antunes!

No "day after" do beneditino 23 de Março, que melhor mensagem para começar, já, a mudar o que faz falta?!

O que faz falta é mesmo mudar a malta!

Ou melhor, o que há de pior na malta!!!!

antónio colaço

 

 



publicado por animo às 07:38
link do post | comentar | favorito

MATINAS

 

Sim, as nuvens persistem, mas o sol, o Teu Sol, mesmo que por uma ténue linha do horizonte, ali está, para que conte.

Obrigado.

antónio colaço



publicado por animo às 07:37
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 23 de Março de 2011
23 DE MARÇO.PARA O QUE DER E VIER A PRIMAVERA COMEÇOU, APENAS, HÁ DOIS DIAS!

Esta é, de facto, a imagem que vale por mil palavras.Tropeçamos nela ao final do dia, no regresso a casa.Mais palavras para quê?

Para o que der e vier.

antónio colaço 

 

 

 

 

NR

A intensidade do debate ao almoço, hoje, com Fátima Campos Ferreira foi de tal forma que voltamos mais tarde, com o nosso auditório completamente disponível para que nada perca do muito que se disse no RES PUBLICA da Associação 25 de Abril.



publicado por animo às 23:37
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 22 de Março de 2011
FÁTIMA CAMPOS FERREIRA É A CONVIDADA DO ALMOÇO ÂNIMO/RES PUBLICA

 

EM DIA DE JUIZO FINAL EM S.BENTO,OS PRÓS E OS CONTRAS DE FÁTIMA CAMPOS FERREIRA no almoço ânimo/RES PUBLICA.
Como sempre, aguardamos as questões que queira colocar à responsável pelo maior programa de debate das nossas televisões.

Envie para o nosso mail tudo quanto quer saber:

 

animo.semper@gmail.com

 

Para inscrições no almoço, clique para o site do RES PUBLICA da Associação 25 de Abril.
antónio colaço

 



publicado por animo às 17:50
link do post | comentar | favorito

LISBOAS

De novo, o louvor e a exaltação das glicínias, algures para as bandas do Alto da Ajuda!

 

 

 

antónio colaço



publicado por animo às 17:50
link do post | comentar | favorito

ÂNIMO SOLIDÁRIA COM BLOG "CIDADÃOS POR ABRANTES" SILENCIADO!!

 

Caro António,O Blog Cidadãos por Abrantes foi apagado na Sapo. Voltado a criar na Blogguer foi de novo vítima de um presumível ataque de hackers.Há pelos vistos quem não queira discutir o MIAA e a carrilhada.Há quem queira silenciar a discordância de muitos abrantinos.

Temos na nossa posse os documentos do Igespar e do Ministério da Cultura que provam que a CMA aprovou o projecto sem ter em conta as sérias reservas da tutela.

Agradecia que divulgasses o que se passa no teu blogue e junto da malta amiga

Miguel Abrantes

 

NR

Acabado de chegar este apelo abrantino, e sem tempo para mais, de momento, duas ou três notas:

1)Não conheço Miguel Abrantes nem nenhum dos membros do referido blog mas acompanho com muito interesse o seu trabalho.Tal não quer dizer que  concorde sempre com todos os pontos de vista que expressa sobre o conjunto de outras matérias.

2)No caso em apreço, desde a primeira hora que concordo inteiramente com a "luta" em torno da defesa de uma Abrantes sem "pedregulhos" de qualquer espécie, sejam arquitectónicos, sejam ético-sociais!

O projecto do estimável arquitecto portalegrense Carrilho da Graça para o chamado Museu Ibérico de Arte é de vómitos e um atentado ao património histórico da "vetusta Abrantes". Como tal, tudo o que fizermos nesse combate pelo esclarecimento público merece o nosso apoio.Independentemente da valia de outros projectos de Carrilho, como aqui já sublinhámos.

3)Sem tempo para cuidar de averiguar a responsabilidade do Sapo nos acontecimentos, a ânimo/blog/facebook solidariza-se e oferece o seu espaço para acompanhar o que vai seguir-se.

Em democracia, a força dos argumentos prevalece sobre quaisquer argumentos de força!

Viva a LIBERDADE!

Não ao "pedregulho" que esmaga a liberdade de uma cidade com um horizonte cheio de história!

Tenho pena de ver os meus camaradas socialistas de Abrantes a cometerem os mesmos erros de deslumbramento pelo poder- quero posso e mando - que cometem, por estes dias, os camaradas ali para as bandas de S.Bento.

Lamento que seja o grito das urnas a falar mais alto, quando, no hoje dos dias, avisadamente, muitos de nós tudo fizeram para arrepiar caminho, antecipando, num cívico e empenhado sobressalto.

Voltaremos ao assunto!

antónio colaço 



publicado por animo às 11:56
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 21 de Março de 2011
MATINAS & VÉSPERAS DE MÃOS DADAS!

 

Como tu, tronco adormecido nos teus ramos, apesar de jovem, apesar de fortalecido pelo sol e seus banhos, quero acordar para a misteriosa Primavera que borbulha em mim e sem mais demoras sair desta letargia outonal.

Não foi por mal!Cumpre-se, assim, mais um divino ritual e só me resta correr pelas avenidas da capital e dar as mãos a todos aqueles que persistem dormir o sono letal!

Acorda, Portugal!

Em Março já somos muitos, mas em Abril vamos ser mais que mil.

Portugal, país de sol e de mar,olha para ti, solta a Primavera que em ti quer borbulhar! 

Obrigado.

antónio colaço

____________________

 

VÉSPERAS

 

Obrigado, por este dia, onde, de manhã ao entardecer tudo o que não devia teve de acontecer.

A arte de sobreviver ao contratempo, à desilusão, à expectativa adiada até mais não.

Hoje falamos com pessoas com quem nunca havíamos falado, gente de grande protagonismo, mas um discurso que deixou, em nós, um futuro adiado.

Como será a...terça-feira à procura da quarta-feira de que precisamos?

Só tu, Lua, ainda bem cheia para encheres de luz a nossa ideia...
Obrigado.

antónio colaço

 



publicado por animo às 08:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Domingo, 20 de Março de 2011
LISBOAS.UMA MARATONA DE SILÊNCIO NAS MARGENS DE OUTRA MARATONA

Nas margens da maratona.

No desmontar da festa.

Sozinho, com a India toda para navegar.

Uma avenida só para mim, é embarcar, é fotografar.

antónio colaço

 

 

 

 

 

 

 

 

Na margem da Maratona, indiferentes ao frenesi da meta, um casal avança de braço dado....

 

 

...apaixonados, de mãos dadas, com a copa das árvores por companhia, e o sol, muito sol, todo o dia!

Esta é a verdadeira energia que os sustenta, solar, do muito amar que ainda lhes resta.

 

antónio colaço

 



publicado por animo às 23:51
link do post | comentar | favorito

G3.GALERIA DOS TREZENTOS, perdão, dos Talentos!

Alguns amigos ficaram chocados. Que estamos a banalizar-nos, dizem. Que a arte não sai dignificada, argumentam.

Mas outros amigos compreendem e acham que a inflacção dos preços de obras de arte deve ser questionada não apenas perante a crise apresentada.

Resolvemos correr este risco.

O nosso "VEM CÁ VAN GOGH", foi-se

 

 

Ainda dispomos, pelos mesmos trezentos, perdão, talentos, de mais duas obras, a saber:

TRÍPTICO. TACHO&CANUDO &CUNHA (55X30)

 

ALENTEJO MAIOR(60X60)

 

 As nossas CAIXAS pintadas encontraram acolhimento!

Por isso, se esta semana, ou nos próximos dias, quer oferecer uma prenda original, aqui deixamos a sugestão:

- Contacte-nos por mail

 

animo.semper@gmail.com

 

e diga a idade do(a) aniversariante e verá como estas CAIXAS com uns bombons de chocolate dentro poderão surpreender o amigo, a amiga, o namorado(a), a Mãe, o marido, a mulher....

Veja algumas combinações....

 

 

 

 

 

 

Obrigado.

antónio colaço

 

 

 



publicado por animo às 23:50
link do post | comentar | favorito

WEBANGELHO DE FREI BENTO DOMINGUES

 

In Publico, hoje

O amor sem humor perde toda a graça, passa a uma obrigação, quando lhe pertence ser uma humilde jubilação da alma

A Quaresma e o riso

1. Acrise mundial, a complicadíssima situação social

e política do país, a turbulência no mundo

árabe e a tragédia que se abateu sobre o Japão

devem ser assumidas pelo espírito desta Quaresma.

Em regime cristão, no entanto, está desaconselhada

a exibição da virtude. Na Quarta-Feira de

Cinzas, o Evangelho de S. Mateus diz muito claramente:

“Tu, quando jejuares, perfuma a cabeça e lava o rosto

para que os homens não percebam que jejuas, mas apenas

o teu Paique está presente no segredo” (Mt 6).

Por outro lado, oimperativo divino, “sede santos, porque

Eu, o Senhor, sou santo”, realiza-se em atitudes muito

concretas, resumidas no mandamento: “Amarás o teu

próximo como a timesmo” (Lev 19). No Novo Testamento,

tornar-se próximo é aproximar-se de quem precisa, só

porque precisa, seja qual for a sua nacionalidade, a sua

religião ou o seu ateísmo (Mt 25).

Nietzsche acusava os cristãos de andarem sempre com

cara de Sexta-Feira Santa. Para que a Igreja não se torne

uma tristeza, tem de se lembrar que, segundo S. João,

na revelação de Jesus Cristo, tudo é para que a nossa

alegria seja completa, na transfiguração do

quotidiano.

Quem entendeu e viveu, como ninguém, o

evangelho da alegria foiSão Filipe Neri(1515-

1595), o santo humorista, “o meu santo”, como lhe chamou o luterano Goethe, autor do “Fausto”, santo da devoção do recentemente

beatificado cardeal Henry Newman.

2. Pensava-se que a velha Florença já não tinha mais nada de que se pudesse

admirar. Vira Dante compendiar o mundo, do Inferno ao Céu, na

Divina Comédia e Maquiavel redigir o seu desencantado receituário para viciados em política. Fora palco da arrebatada pregação de Savonarola

que acabou queimado em praça pública. Assistira ao

esplendor e à derrota dos Medici. Vestira-se de esplendor

com Miguel Ângelo e Leonardo Da Vinci. Teve santos, heróis

e génios. Pensava conhecer tudo o que a arte, a sabedoria

e o poder têm para oferecer aos seres humanos, mas

faltava-lhe, ainda, experimentar algo que pode reavivar

os corações envelhecidos: “o sorriso de Deus” que Filipe

Neridescobrira no convento de S. Marcos (1).

Ele nasceu num século conturbado, da Reforma Protestante

e da Contra-Reforma, mas também de espantosos

santos e muito diferentes: Teresa de Ávila, Pedro de Alcântara,

João da Cruz, Camilo de Lelis, Inácio de Loyola,

Francisco Xavier, Carlos Borromeu, Caetano de Thiene,

Francisco de Sales, Thomas More, John Fisher e Pio V.

Esteincarnou a vontade férrea de aplicar o Concílio de

Trento, enfrentando o turbilhão das fúrias que despertou

e o pântano das resistências passivas. Em seis anos,

realizou a reforma da cúria romana, publicou o primeiro

Catecismo universal, dirigido aos párocos, o Missal dos

Fiéis e a Suma Teológica de S. Tomás. O seu grande defeito

era a sua obsessiva seriedade. Não sabia rir, como dizia

o embaixador de Veneza junto da Santa Sé.

Com esse feitio, era natural que fosseincapaz de compreender

o estilo alegre, brincalhão e soberanamente

livre de Filipe Neri. Chegou a tomar a decisão de fechar

o Oratório – essa tertúlia espiritual e cultural, esse grupinho

de alegre santidade – que só aintervenção de S.

Borromeu conseguiuimpedir.

3. Qual era o “pecado” de S. Filipe Neri? Brincar

com tudo e com todos. Brincar com Deus, com

os pobres e com os ricos, com Papas, príncipes

e, sobretudo, com a cúria romana. Quando

morreu Pio V, que o tinha perseguido de todas

as maneiras, passou a usar um manto desse Papa, mas

virado do avesso. Teve sorte com os sucessores desse

pontífice, Gregório XIII e Clemente VIII, que não se cansavam

com as suas piadas e partidas. Nunca sofreu de

papolatria.Não queria ser padre, nem pregador, nem religioso

com votos públicos ou privados. Queria ser de Deus

e de toda a gente em santa liberdade. Não conseguia

entrar nos métodos autoritários da Contra-Reforma

ou Reforma Católica nem no estilo dos exercícios espirituais

de Santo Inácio de Loyola queinsistia para

que ele entrasse na Companhia de Jesus. Com humor

despeitado, comparava Filipe Neria um sino: “Assim

como um sino de paróquia, que chama todo mundo

para aigreja e permanece no seu lugar, este homem

apostólico faz os outros entrarem na vida religiosa e

permanece de fora”.

Abriu, de facto, o caminho a muitas vocações de jesuítas,

dominicanos, teatinos, etc., mas quando foiordenado

padre e o seu Oratório autorizado, recomendava

aos superiores: “Se queres ser obedecido, dá poucas ordens”.

Recusou-se, como padre, confessor e pregador, a

seguir os modelos mais consagrados e, para disfarçar o

seu fervor e devoção, até na missa, no confessionário e

na pregação fazia rir. Sem humor não sabia viver o amor

de Deus e do próximo nem as suas devoções. Era a sua

respiração humana e sobrenatural, tudo fazendo para

que ninguém desse por isso.

No momento em que, de novo, na Igreja, se procura

voltar a um certo dogmatismo e a um pietismo, ora

rançoso ora pomposo, importa redescobrir que o amor

sem humor perde toda a graça, passa a uma obrigação,

quando lhe pertence ser uma humilde jubilação da alma

e um alívio das dores do mundo.

(1) Guilherme Sanches Ximenes, Filipe Neri. O sorriso de Deus,

Quadrante, São Paulo, 1998

 

NR

Sublinhados nossos.

antónio colaço

 

 



publicado por animo às 20:35
link do post | comentar | favorito

REENCONTROS.BEM-VINDO ILÍDIO FRANCISCO.OS SEUS AMIGOS ESPERAM-NO

 

 

O Post que aqui editámos,neste link:

http://animo.blogs.sapo.pt/368072.html?thread=56520#t56520

 

acaba de merecer este comentário:

 

 

"Quase nao pude conter a emocao quando achei esta foto na net. Nem me consigo reconher a mim mesmo, mas acho que estou na frente com a perna no ar. Ja estou fora de Portugal a 23 anos mas todos os anos vou a Portugal no Verao. A unica pessoa qeu tenho contacto e' o Diamantino.
Tentei encotrar o Joaquim Frasao Goncalves (grande amigo do seminario) diversas vezes que fui a fatima mas sem sucesso. Espero um dia poder encotrar-me com estes amigos da Infancia"
Ilidio Francisco
 
Amigo, Ilídio, não sabemos como chegou aqui mas... se nos contactar pelo nosso mail
 
 
vamos reencaminhá-lo para alguns dos amigos de infância que tanto deseja reencontrar!
Vé, despache-se!
 
antónio colaço
PS
Por motivos óbvios, respeitámos o texto do nosso amigo na íntegra.Viva a saudade, até já "gramaticidade"!!!

 



publicado por animo às 19:50
link do post | comentar | favorito

Sábado, 19 de Março de 2011
VÉSPERAS

 

Nesta noite da Lua Mais Cheia e próxima de nós, uma enorme vontade de cantar o Cântico da Irmã Lua!

Nada melhor do que evocar o Cântico do Irmão Sol, cantado há quase um ano, na Sé de Évora, num improviso total com o órgão renascentista mais antigo da Europa e com a criatividade do Joaquim Soares, vereador do ... PCP na Câmara de Évora e lider do Grupo de Cantares de Évora.

 

 

Para acompanhar toda a Cantata, clique aqui

antonio colaço

 



publicado por animo às 21:52
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Março 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

DA ARTE E DOS ESPAÇOS INE...

OBRIGADO, MANUEL

ANTONIO COLAÇO NO "VOCÊ N...

PE ANSELMO BORGES NOS ANI...

ANA SÁ LOPES NOS AAAANIMA...

ANA SÁ LOPES NOS ANIMADOS...

O OUTRO LADO DO AAANIMADO...

LISBOAS

CHEF PEDRO HONÓRIO OU AS ...

BALANÇO FINAL . JOAQUIM L...

REGRESSARAM OS AAANIMADOS...

IN MEMORIAM ANTÓNIO ALMEI...

PE ANSELMO BORGES NÃO TE...

MINISTRO CAPOULAS SANTOS ...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

CARDIGOS, AS CEREJAS E O ...

trip - ir a mundos onde n...

´WEBANGELHO SEGUNDO ANSEL...

ANDRÉS QUEIRUGA EM PORTUG...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

arquivos

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

todas as tags

links









































































































































































































subscrever feeds