Sábado, 25 de Fevereiro de 2012
LISBOAS

Uma tarde de sol excelente (sabemos o preço desta excelência hoje declarada de calamidade pública!), de volta do Aqueduto das Águas Livres...na minha varanda.
Quase como meter o Rossio na Betesga...
Ou a continuada preparação da "LISBOAS-40ANOS DE LISBOA.pintura.escultura.música", recordo, a partir das 19 horas de 12 de Abril (uma quinta) na Mãe d'Água, às Amoreiras, e até 28 de Abril!


publicado por animo às 20:15
link do post | comentar | favorito

LISBOAS DE ONTEM, MAS DE HOJE PODEM SER!!!!

LISBOAS
Quase me esquecia de deixar um bocadinho para os leitores, da bem condimentada e guarnecida "CACHUPA" com que, ontem, fomos brindados, noite fora, por casal amigo que reuniu à sua volta quase uma vintena de amigos para a celebração ...dos 55 anos de um deles.
Estes encontros começam a se r um "must" da Amizade em quadras marcantes.
Aproxima-se a passos largos aquela que reúne as minhas simpatias: a derrota do pascal e transmontano Folar, ou Bôla!
Sirvam-se do milho, da mandioca, da feijoca, das couves e assim.
Para não impressionar, fechou-se o plano à imagem deixando de lado os saborosíssimos enchidos e seus respectivos tintos, acompanhantes dignos e bem à altura do fraternal repasto!
Obrigado!
Vês, Zekata Ze, o que perdeste?!
Vamos dar um jeito para desceres do Mondego e fazeres companhia ajudando a derrotar a transmontana Bôla em alargada folia!(Uau!!).


publicado por animo às 20:05
link do post | comentar | favorito

LISBOAS


NR-Adoro estas, como dizer, "não fotografias" de gente passando para trás e para diante num assumido frenesi em que cada um assume o seu papel.

 

Um vai-e-vem atrás do rentabilíssimo Pastel de Belém!
Reconfortante a leitura da entrevista de Mega Ferreira ao Expresso.Recomendável a todos os títulos sabendo os desafios por que tem passado, nomeadamente, aquele com que alguns de nós já se viram confrontados, qual seja o de perceber que o fim pode estar próximo.Homens como Mega Ferreira fazem-nos ressuscitar TODOS OS DIAS!
Obrigado, pelo testemunho de vida até na elegância com que respondeu à deselegância do governo de Passos!

antónio colaço

 



publicado por animo às 19:48
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2012
DAS MATINAS E DA MINHA NOVA SAGA



E pronto, o Irmão Sol foi nascer para outro lado!
Adeus, ansiosas manhãs, esperando pelos primeiros e tímidos raios....
Que aqueles que, agora, afortunadamente, te desfrutam tal como nós, sejam dignos da tua Luz inicial.

Apetecia dizer, mas tu não mereces, "hás-de cá vir para a próxima"!
Sim a culpa disto tudo é de um tal Galileu.
Tivesse ele Facebook e deixava-se estar quietinho!
Obrigado.

_______________________

 

A MINHA NOVA SAGA

_______________________


Os meus amigos da "GENTE" da edição do Expresso do passado sábado, tiveram a simpatia de registar o novo desafio com que estou confrontado.
2
Aceitei, de facto, o aliciante desafio de passar do mundo da política para os bastidores do mundo da economia.
Numa altura em que todos os contributos são necessários a aposta no Turismo, um dos nossos últimos redutos com um papel decisivo na desejada recuperação, pela diversidade e atractividade dos sectores envolvidos, parece-me valer bem a pena.
Um ano depois de deixar S.Bento, estar aposentado jamais significou estar parado.
Fica, pois, um agradecimento a todos os amigos que se congratularam comigo e a certeza de que darei o meu melhor como sempre tenho feito naquilo em que me envolvo ou, como é o caso, fui, amavelmente, envolvido.
3
As redes sociais vão ser um imprescindível instrumento de trabalho, não duvido. Mas, a ânimo, enquanto achar possível, manterá as suas características de tentar ajudar a tornar os dias mais leves. Quando concluir pelo contrário aqui darei nota.
4
Foi o caso, ontem, com o meu querido amigo Vasco Lourenço que me convidou para retormarmos os AAA-Animados Almoços Ânimo/Associação 25 de Abril.
Tudo fizemos, após a primeira série, para retomar uma segunda série.Vicissitudes várias que se prenderam com a gestão do Restaurante, a que somos completamente alheios, tornaram tais diligências infrutíferas.
Parece estar agora encontrado um modelo de gestão, a que nos referiremos numa próxima ocasião (sim o Restaurante volta a funcionar mas apenas para sócios e seus convidados e com marcação prévia) mas em face do novo desafio profissional entretanto surgido, concluímos deixar o assunto em aberto parecendo-nos , todavia, que não havendo incompatibilidades de fundo - o amor por Abril não tem pátria, sim, mas... - o melhor será darmos tempo ao tempo.
Obrigado.
antónio colaço
NR
Se quiseres recordar o que foram os quase 30 AAA, clica no link do ponto 4!!!!Estão lá todosbem animados!!!

 



publicado por animo às 07:47
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2012
ZECA . ANIMAR A MALTA TODOS OS DIAS!
O QUE FAZ FALTA É
ANIMAR
A MALTA.
Num blog/Facebook cujo o santo e a senha para a silenciosa revolução de todos os dias é o ânimo de que tanto precisamos para continuar de cabeça erguida mesmo quando tudo parece desmoronar-se à nossa volta, só faz sentido lembrar o Zeca
como se nunca tivesse partido!
Obrigado, Zeca!


publicado por animo às 20:20
link do post | comentar | favorito

LISBOAS

 

De um lado as águas do Tejo, águas magras, desaguando as mágoas dos ribatejanos da Lezíria,ou, mesmo, mais a norte, dos beirões e altoalentejanos desesperados com a seca que persiste....

Deste outro privilegiado miradouro, vai um reconfortante suadouro a preparar o caminho para outras águas, mais acrílicas, não menos idílicas (uau!)e que nos conduzirão às "Ágoas Livres" da Mãe d'Água, às Amoreiras, na tarde (19h)de 12 de Abril!

antónio colaço



publicado por animo às 20:20
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2012
VÉSPERAS

 

 



publicado por animo às 23:41
link do post | comentar | favorito

l

l



publicado por animo às 23:41
link do post | comentar | favorito

CINZAS

Não te assustes!
Mais logo, verás como o Sol nasceu de novo e tudo retoma o seu ritmo.
Quer dizer, temos estas pausas para parar e pensar na brevidade dos dias e de como tudo deve ser entendido, vivido como quem está, de facto, DE PASSAGEM.
2
É um improviso registado na Matriz de Mação.
Acho que Deus não se assustou mas parece que desejava assustá-Lo por causa deste nosso continuado entendimento da Morte como um ... improvisado susto!
Ó balha-nos Deus....zzzz
"A quem iremos, Senhor, se só Tu tens Palavras de Vida Eterna....

Obrigado.




publicado por animo às 11:08
link do post | comentar | favorito

Domingo, 19 de Fevereiro de 2012
animação

a



publicado por animo às 22:18
link do post | comentar | favorito

MATINAS

Mação, ontem, pôr-do-sol

 

Como se tivesse nascido hoje, o sol que ontem assim se pôs!

Obrigado.

antónio colaço

 

 



publicado por animo às 15:35
link do post | comentar | favorito

Sábado, 18 de Fevereiro de 2012
WEBANGELHO SEGUNDO ANSELMO BORGES

Pe. Anselmo Borges

In DN

 

POLÍTICA E ÉTICA

 

Quando se pergunta: o que é o Homem?, as tentativas de resposta foram múltiplas ao longo dos tempos. Mas lá está, essencial, a de Aristóteles: um animal que fala, que tem logos, um animal político.

O ser humano é constitutivamente um ser social. Fazemo-nos uns aos outros, genética e culturalmente. Procedemos de humanos e tornamo-nos humanos com outros seres humanos. A relação entre humanos não é algo de acrescentado ao ser humano já feito: pelo contrário, constitui-nos. A prova está nos chamados meninos-lobo: tinham a possibilidade de tornar-se humanos, mas, sem o contacto com outros humanos, não acederam à humanidade. É isso: somos humanos entre humanos e com humanos. Apesar da experiência, que também fazemos, da solidão metafísica - cada um é ele, ela, de modo único e intransferível -, não há dúvida de que só na relação nos fazemos. O individualismo atomista contradiz a humanidade que somos.

Sobre este fundo, concretizando, podemos perguntar: como poderíamos realizar a nossa humanidade, em todas as suas possibilidades, sem a cooperação de todos? Este texto, por exemplo, implica a presença de uma língua que eu não criei, um conjunto de referências culturais com que fui dialogando, foi enviado por e-mail, alguém tratou dele e o publicou e depois o distribuiu... Uma rede incalculável de relações, umas conhecidas e outras não. Se pensarmos bem, estamos unidos com todos, nesta pequena aldeia, que é o nosso planeta, incluindo os do passado, que nos permitiram chegar até onde nos encontramos, com telecomunicações, automóveis, electricidade, aviões, televisão, internet e o mundo todo das ideias e os seus debates... Até quando tomo o pequeno-almoço, penso nisso: naqueles que, lá longe, colheram o café e o transportaram e o preparam.

O que somos somo-lo na cooperação de muitos, de todos. Isto é a sociedade, no quadro de divisão de trabalhos, de carismas, de esforços em comum.

Mas, aqui, surge o busílis da questão: quem manda? É o tremendo problema do poder. Porque - não se pode ser ingénuo - onde há muita gente, alguém tem de comandar. Ora, se todos fossem bons, generosos, numa palavra, éticos, esta magna questão não seria questão, pois apenas teríamos necessidade de alguém que coordenasse os esforços, as tarefas, os carismas. Todos obedeceriam às normas, ninguém transgrediria, não haveria clientelismos nem salários escandalosos, todos procurariam o maior bem de todos. Como é sabido, de facto não é assim.

Se todos fossem éticos, não seria necessária a política no sentido estrito da palavra: tomada e organização do poder no quadro do Estado que detém o monopólio da violência. Na realidade, nos seres humanos, há bondade e maldade, alguns ou muitos são preguiçosos e querem viver à custa dos outros, há os ladrões, os corruptos e os corruptores, os violentos, e somos todos interesseiros e egoístas. E lá está a política como arte de congregar esforços para o bem comum, no quadro de leis que devem ser justas e equitativas e no sentido de harmonizar interesses, na paz possível, evitando a violência.

A política não tem por finalidade tornar os homens moralmente bons, muito menos, santos - é necessária, precisamente porque não somos éticos. Aqui, ergue-se o paradoxo: não há política ética, o que há são homens e mulheres éticos ou não na política. Como também os políticos são homens e mulheres, com virtudes e vícios, a política é um exercício complexo e sempre instável, exigindo um aperfeiçoamento constante. De facto, o que se passa, quando a política fica subordinada ao poder económico e financeiro? Ou se se der uma cartelização dos partidos?

Quando se olha para o presente estado de coisas, percebe-se que a própria democracia não é uma aquisição definitiva. Então, o que falta no meio do deserto ético? Precisamente a conversão ética, porque a multiplicação de leis e a sua sanção acabam por levar a um labirinto sem saída. Mas, desgraçadamente, as instituições mais responsáveis pela transmissão dos valores éticos estão a abrir falência: a família, a escola, a Igreja. A situação pode tornar-se explosiva.

 

COMENTÁRIO

O Pe Anselmo dizia-me, há dias, a propósito do meu últmo comentário sobre o suposto murro no estômago do seu último Webangelho,"os meus textos também são para provocar!"

Aqui temos outro texto a provocar-nos, melhor, a chamar-nos para que este final - " a situação pode tornar-se explosiva" - não tenha lugar.

Ou seja, de facto, o grande trabalho que cabe a cada um de nós é transformarmos as "instituições" ditas "responsáveis pela transmissão dos valores éticos".

Como?

Multiplicando estes espaços onde, cada um de nós, ganha cada vez mais consciência de que AS INSTITUIÇÕES SOMOS NÓS!

2

É por isso que também saudamos a próxima iniciativa deste nosso incansável amigo, a ter lugar já no próximo 5 de Março!!!

Estas, sim, são as verdadeiras armas explosivos de que devemos fazer uso.

Manuel António Pina diz hoje, creio que no DN, e cito de cor, "às vezes apetecia-me armar-me de um cinturão de explosivos e rebentar com essa malta toda"!

É uma metáfora. Vale o que vale.

Para nós, estes WEBANGELHOS, de Anselmo e Bento chegam e sobram.Assim nós correspondamos ao seu empenhamento acrescentando o nosso próprio empenhamento na materialização da renovação - REVOLUÇÃO TEOLÓGICA - que representam!

Obrigado, por continuarem a provocar-nos, Pe Anselmo e Frei Bento!

 antónio colaço

 



publicado por animo às 08:46
link do post | comentar | favorito

MATINAS

 

Porque hoje é Sábado!
Porque hoje temos sol!
Porque hoje temo-nos, outra vez!
Obrigado,mil vezes,todos os dias, todos os sábados!
2
Bom fim-de-semana sem nenhuma sombra de máscaras!
Rostos esplendorosos desfilando nas avenidas do quotidiano onde este sol esplendoroso é Rei!
antónio colaço

 



publicado por animo às 08:27
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 17 de Fevereiro de 2012
MATINAS
Tinha descoberto, naquela manhã, que o sol começava, agora, a deslocar-se mais para leste o que faria com que a linha de horizonte, por via dos prédios nela implantados, começasse a impedi-lo de desfrutar o seu nascimento em pleno.
Primeira consequência, já não poderia partilhar, também, esses momentos.
Era uma espécie de serviço público a que se obrigara e que agora via fugir-lhe, assim, debaixo dos pés, quer dizer, dos seus olhos madrugadores.
Resolveu,por isso,madrugar ainda mais cedo para captar a expectativa reinante no vale.
Teria o sol sentido que ele se convertera, mais do que num fiel adorador, num mecânico coleccionador de rituais?
A Lua parecia ter vindo em seu auxílio.
Estava-lhe grato.
Obrigado.
antónio colaço


publicado por animo às 08:11
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 16 de Fevereiro de 2012
AINDA A QUINTA DA BACALHOA E AS AVENTURAS DE GRAÇA MOURA/JOE BERARDO

Foto.Google

 

Hoje com mais calma estive a olhar para o vosso blog e reparei na divagação sobre Azeitão e no Joe.
Como já tinha visto a sua colecção no CCB, resolvi visitar a sua obra em Azeitão e como fiquei agradado com o que vi, resolvi visitar também o Jardim da Paz ou Budha Eden próximo do Bombarral.
Em Azeitão é de reconhecer o seu esforço num terreno onde antes havia uma enorme construção e onde funcionou as Selecções do Rider Digest, fez uma adega onde lhe colocou um exposição de azulejaria dos sec. XVI e XVII. Nos jardins exteriores comprou oliveiras centenárias e milenárias em Alqueva e plantou-as, colocando em simultâneo esculturas de artistas portugueses, entre os quais Gargaleiro.
Simultâneamente restaurou o Palácio da Bacalhôa que foi pertença da Grande Catarina de Bragança, a tal que iniciou o consumo e o famoso  chá das 5 na Inglaterra. Obra soberba, apesar de muito vandalisado que estava.


O ano passado e num dia muito importante para mim, acompanhado pela minha cara metade, desloquei-me ao jardim da Paz na Quinta do Lorigo, em Bombarral. Num dia de semana com pouco movimento, foi divinal!!!!!!!! Mais espectacular o facto de não ter destruído nenhum sobreiro e ter construído um parque destinado à reflexão e tranquilidade acompanhado com o chilrear dos pássaros.  Como seu lema, não se paga nada à entrada.
Só falta a parte final e que me levou a escrever depois de ler o diálogo Joe / Graça. Dois personagens com caracter vincado um à finança e outro à "tachodependência", enquanto um tenta que a arte seja visivel de modo gratuito, independentemente da sua origem ou gosto, o outro só a quer destruir sob o signo da sua visão de arte.
Dêem rédea ao Graça Moura e a colecção Berardo vai para o "galheiro" e se calhar para o estrangeiro! O que faz a "tachodendência"!!!!!!
Cumprimentos
Hermenegildo Alves

 PS

A Quinta da Bacalhôa não corresponde às fotos.
Essa quinta fica frente à garagem dos antigos Belos, hoje TST, em Vila Fresca de Azeitão e onde se situa o Palácio da Bacalhôa, o tal da princesa de Portugal, rainha da Inglaterra.
Mais uma pequena sugestão. Na saída do jardim da Paz, passa-se pela loja da Adega da Loriga. Aproveitar as boas "obras" em venda, mas beber com moderação.

_______________

NR

De facto, caro Hermenegildo, estivemos junto ao Palácio da Quinta da Bacalhoa mas não pudemos entrar por estar fechado mas as restantes fotos que fizemos fazem parte do conjunto da Quinta da Bacalhoa, nomeadamente, as oliveiras e algumas das estátuas chinesas.O nosso ciceron, pelo menos, assim no-lo disse e mora em Azeitão.

Fica, porém, a intenção de ajudar a esclarecer.

Quanto à previsível disputa Joe/Vasco já por diversas vezes aqui o afirmámos: o "tio" Joe pode ter os seus excessos mas manter o seu espólio desfrutável por todos nós e de forma gratuita é uma atitude que ão nos cansamos de assinalar.

Acho que o Vasquinho não vai querer compar essa guerra.....

ac



publicado por animo às 23:29
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Março 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

DA ARTE E DOS ESPAÇOS INE...

OBRIGADO, MANUEL

ANTONIO COLAÇO NO "VOCÊ N...

PE ANSELMO BORGES NOS ANI...

ANA SÁ LOPES NOS AAAANIMA...

ANA SÁ LOPES NOS ANIMADOS...

O OUTRO LADO DO AAANIMADO...

LISBOAS

CHEF PEDRO HONÓRIO OU AS ...

BALANÇO FINAL . JOAQUIM L...

REGRESSARAM OS AAANIMADOS...

IN MEMORIAM ANTÓNIO ALMEI...

PE ANSELMO BORGES NÃO TE...

MINISTRO CAPOULAS SANTOS ...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

CARDIGOS, AS CEREJAS E O ...

trip - ir a mundos onde n...

´WEBANGELHO SEGUNDO ANSEL...

ANDRÉS QUEIRUGA EM PORTUG...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

arquivos

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

todas as tags

links









































































































































































































subscrever feeds