Sábado, 7 de Julho de 2012
QUERO CÁ VÊ-LOS!!!E DE UM DIA NEBULOSO SE FEZ, NA PRAIA, UM SOL ESPLENDOROSO

 

E DAS NUVENS SE FEZ UM EXCELENTE DIA DE PRAIA!!!!

 

E não é que sabe bem esta ligeira brisa com a mansidão de um sol à espera de quem o queira desfrutar nesta Carcavelos tranquila?!
Ou de como a temeridade inicial de um tecto de ameaçadoras nuvens se esbateu.
Boa opção.
Seguindo os apelos da nesga de sol avistada das bandas do Restelo, lá segui para Carcavelos.
Meia desolação.Mais barcos no mar do que veraneantes em terra!
 
E até o nadador salvador se deliciava com um gelado.
Mas... e não é que o meu querido pombo branco lá apareceu de novo ( lembram-se do declarado amor de há mais de um mês?!) e com ele o sol abriu de vez!!!!
As gaivotas apressaram-se a dizer-me que também queriam entrar na festa do sol "resgatado" da friorenta manhã
Obrigado, esplendoroso sol!!!!
 
 
A plenitude deste esplendoroso sol iria ser alcançada com a chegada da GRAÇA DOS BOLOS!!!
-BÓLIIIIIIIIIINHAS!!!!!
Depois da boliiiiiinha, um mergulhinho e ala que se faz tarde.
Uma belíssima opção pela manhã acabou por dar meio escaldão.
Tiram-nos o subsído mas o mar de Carcavelos recompensa-nos em ALÍVIO!!!
Obrigado.
Obrigado por este dia...
Pode parecer um "cliché" mas enquanto souber o porquê (custou-me tanto saber que o Garcia Marques deixou de escrever porque, como disseram na TV, está num estado de demência, na sequência de quimioterapia para debelar um linfoma), OBRIGADO.
antónio colaço


publicado por animo às 22:48
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 6 de Julho de 2012
A CRISE NUNCA EXISTIU! A CRISE SOMOS NÓS!

Sesimbra

 

As coisas são o que são mais as expectativa delas.
Creio que acabei de pôr um ponto final em mais de meio ano na expectativa de um aliciante desafio profissional que se revelou num inacreditável, inconcebível e a todos os títulos lamentável flop do tão desejado financiamento internacional.
Não é hora de detalhar e sim de celebrar uma espécie de libertação de um processo de quase escravatura intelectual tanto e de forma tão miserável se abusou da boa fé daqueles que tudo deram na afirmação do projecto para que foram convocados.
Relembra um amigo "estamos sempre a aprender"!
Certo, mas para a próxima acho que não me deixarei "prender" tão ingenuamente.J
á devia perceber que aos sessenta,sim,a gente ainda tenta mas já não aguenta tanta e tão descarada afronta.
antónio colaço

 



publicado por animo às 08:20
link do post | comentar | favorito

MATINAS

Toma, mergulha, inteirinho, na manhãzinha deste Tejo mais que desperto para um novo dia.
Obrigado.

antónio colaço



publicado por animo às 08:16
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 4 de Julho de 2012
LISBOAS E VÉSPERAS

 

 
IN MEMORIAM PE ALBERTO NETO 
 Ontem, pelas 19.30, entrei, finalmente e pela primeira vez, na Capela do Rato.
Ali se evocou a vida e obra do Pe.Alberto Neto que não tive o privilégio de conhecer.
 
 
 Sem cuidar, agora, de procurar razões para esse lapso, tranquilizo-me com o facto de me saber, então, chegado a Lisboa, vindo de um Convento no Porto, não havia um ano, e também eu, seguramente, na linha do que de melhor o Pe Alberto desejava, procurava o meu caminho.
Ontem, lá estive, reencontrei amigos mas percebi que todos esperavam muito mais gente.
Mesmo assim o pequeno templo esteve composto.
Sem o frenesi das missas do Pe Alberto, pelo que percebi.
Os nossos desesperados tempos precisam urgentemente de Padres Albertos ou, antes, que cada um seja Padre Alberto de si e dos que consigo convivem como ontem cantámos, na letra do Pe Alberto?:
"Se a esperança cai desfeita a teus pés, recomeça, recomeça, irei contigo!"
antónio colaço
 
 


publicado por animo às 12:50
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 2 de Julho de 2012
P

X



publicado por animo às 23:26
link do post | comentar | favorito

A

X



publicado por animo às 23:25
link do post | comentar | favorito

A

 

 A



publicado por animo às 23:25
link do post | comentar | favorito

WEBANGELHO SEGUNDO FREI BENTO DOMINGUES

BOM FIM DE SEMANA

IN PÚBLICO 01.07

 

 

Clica na imagem para melhor leitura.Obrigado

 

 



publicado por animo às 19:33
link do post | comentar | favorito

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELMO BORGES

Pe Anselmo Borges

In DN 30 Jun

 

A CAMINHO DO VATICANO III?

 

Durante esta semana, em Santander, na UIMP (Universidade Internacional Menéndez Pelayo), realizou-se um Curso de Verão sobre os 50 anos do Concílio Vaticano II (1962-1965). A direcção pertenceu ao teólogo Juan José Tamayo.

O Concílio foi um enorme acontecimento. Sem ele, é inimaginável a situação da Igreja Católica e, consequentemente, dada a sua influência no mundo, também do próprio mundo. Como sublinhou Tamayo, operaram-se grandes transformações:

De uma Igreja que se considerava uma sociedade perfeita passou-se à Igreja como comunidade de crentes. Do mundo como inimigo da alma ao mundo como lugar da vivência da fé. Da condenação da modernidade e das religiões não cristãs ao diálogo multilateral. Da condenação dos direitos humanos ao seu reconhecimento e proclamação. Da condenação da secularização à sua defesa, no sentido do reconhecimento da autonomia das realidades temporais. Da Igreja imutável e imóvel à Igreja que deve estar em constante reforma. Do integrismo católico ao respeito pelas outras crenças. Do autoritarismo centralizado em Roma à colegialidade episcopal. Da Cristandade ao cristianismo. Da pertença à Igreja como condição necessária para a salvação à liberdade religiosa como direito humano fundamental. De uma Igreja europeia a uma Igreja verdadeiramente universal.

Houve limites? Alguns, maiores: apesar de certa abertura ao mundo, o seu carácter eurocêntrico - o horizonte de compreensão foi a modernidade europeia e, nesse quadro, a problemática da crise de Deus no mundo ocidental e o fenómeno da descrença -, e a não centralidade da opção pelos pobres, não se dando a devida atenção às maiorias populares do Terceiro Mundo. O Ocidente acabou por ser o destinatário principal do Concílio. Depois, o antropocentrismo exacerbado fez com que a problemática da ecologia fosse ignorada.

Alguns temas foram silenciados. O Papa Paulo VI impediu que o tema do celibato dos padres fosse debatido - mais tarde, num Sínodo Episcopal, submeteu-o a votação, mas a maioria dos bispos opôs-se. O lugar das mulheres na Igreja e, concretamente, a sua ordenação, bem como o controlo da natalidade, foram arredados do debate.

No dizer de Tamayo, "o Concílio foi uma curta Primavera a que se seguiu um longo Inverno, que dura há mais de 40 anos". Perante os excessos de então, Paulo VI, que tinha convictamente levado a termo o Concílio, mas que era um intelectual hesitante, teve receio e começou a pôr algum travão, numa história de avanços e recuos. Depois, já com João Paulo II, avançou a involução e pôs-se em marcha "um programa calculado de restauração". Acentuou-se o carácter hierárquico-papal da Igreja, limitou-se a liberdade de investigação teológica, muitos teólogos foram condenados, passou-se do pensamento crítico ao pensamento único e dogmático, a Cúria readquiriu poder, os bispos conciliares foram sendo substituídos por bispos fiéis ao neoconservadorismo e ao Vaticano.

Com Bento XVI, que constituiu uma surpresa pela sua humanidade, por medidas fortes contra o clero pedófilo, pela admiração por parte dos intelectuais, o caminho da involução continua: aí estão a restauração da Missa em latim, as negociações com os lefebvrianos, a condenação de teólogos, a centralização.

Perante a grave crise que atravessa hoje a Igreja, muitos reclamam um novo Concílio: um Vaticano III, convocado por um João XXIV. Mas há quem, para lá de outras objecções, lembre a questão financeira: um novo Concílio seria demasiado caro.

Pergunta-se, então, se não deveria dar-se, pelo menos, a convocação dos Presidentes de todas as Conferências Episcopais do mundo - há quem, com razão, questione a utilidade do cardinalato -, para resolver problemas urgentes: os escândalos no Vaticano, a questão do celibato, o lugar da mulher na Igreja, reformas das estruturas eclesiásticas, maior descentralização, uma linguagem nova para a expressão da fé, questões novas postas pela globalização e pelas novas tecnologias, tanto no domínio da comunicação como no da vida.



publicado por animo às 19:30
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Março 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

DA ARTE E DOS ESPAÇOS INE...

OBRIGADO, MANUEL

ANTONIO COLAÇO NO "VOCÊ N...

PE ANSELMO BORGES NOS ANI...

ANA SÁ LOPES NOS AAAANIMA...

ANA SÁ LOPES NOS ANIMADOS...

O OUTRO LADO DO AAANIMADO...

LISBOAS

CHEF PEDRO HONÓRIO OU AS ...

BALANÇO FINAL . JOAQUIM L...

REGRESSARAM OS AAANIMADOS...

IN MEMORIAM ANTÓNIO ALMEI...

PE ANSELMO BORGES NÃO TE...

MINISTRO CAPOULAS SANTOS ...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

CARDIGOS, AS CEREJAS E O ...

trip - ir a mundos onde n...

´WEBANGELHO SEGUNDO ANSEL...

ANDRÉS QUEIRUGA EM PORTUG...

WEBANGELHO SEGUNDO ANSELM...

arquivos

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Outubro 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

tags

todas as tags

links









































































































































































































subscrever feeds